“Provavelmente não vai ser o único”, diz Riad sobre a saída de Bruno do RJ Vôlei

Mayara Rufino | @capitolinda

Bruno agora é oficialmente levantador do Modena, da liga italiana. Foto: Mayara Rufino

Que a situação do RJ Vôlei está complicada, todos nós sabemos. E as especulações da ida do levantador Bruno Rezende para o Modena, da Itália, foram confirmadas pelo mesmo nesta sexta (03) em sua página oficial do Facebook. Riad Ribeiro, colega de Bruno na equipe carioca e que faz parte desde a primeira temporada do projeto, defendeu o levantador e desabafou, também nas redes sociais:

– Rezemos. Rezemos muito pela nossa Superliga Masculina e Feminina. E todos nós jogadores, torcedores e amantes do voleibol. Porque ‘tá’ complicado…

Em entrevista à rádio Bradesco Esportes FM, o central disse que já sabia da decisão do levantador:

– O Bruno falou comigo antes, que tinha feito um texto, que iria soltar. E eu disse: A gente vai te defender, porque sabemos da situação que está passando do jogador que você é, do esforço que fez não só dentro da quadra, mas também para conseguir parceiro. Ele ia às reuniões também quando tentava buscar parceiros. Não tentou só pra ele, mas pra todo mundo. Tínhamos feito um pacto pra gente continuasse jogando, mesmo sem receber, mas se todo mundo ficasse a gente ia abraçar e ir embora. A gente entende que é uma coisa quase impossível. O Leandro Vissoto tem família, Thiago Silva e o Thiago Sens não são do Rio e viver aqui é muito caro. Entendo o Mário Junior também. São esses jogadores que recebiam da empresa e estão nessa situação. Os jogadores foram para Furnas. Metade estava recebendo e a outra não; comentou Riad, ressaltando que Bruno não deverá ser o único a sair da equipe.

Bruno, mais conhecido como Bruninho, volta para o Modena, clube que defendeu em 2011 e que participa de uma das melhores ligas de voleibol do mundo. Na nota, o levantador faz forte crítica a estrutura do esporte no Brasil, considerado o segundo esporte no país:

– É preciso valorizar o esporte coletivo que mais medalhas olímpicas e mundiais conquistou para o nosso Brasil. Se isso acontece em uma modalidade com tanta visibilidade, e considerada por muitos a segunda mais importante do País, imaginem o que se passa com as que não têm o mesmo espaço na mídia. Sempre é bom lembrar que estamos a dois anos de uma Olimpíada, que além do mais será realizada aqui mesmo no Brasil, e no Rio de Janeiro; criticou o levantador.

Além da crítica, o levantador fez agradecimento à equipe e aos torcedores do projeto carioca:

– Desejo todo o sucesso aos meus companheiros e integrantes da comissão técnica. E agradeço o carinho que recebi da maravilhosa torcida do RJ Vôlei durante todo o tempo em que tive a honra de vestir a camisa 1 do clube. Muito obrigado e conto com vocês sempre.

O Linha das 5 lamenta a saída do atleta do país, todos temos plena consciência de que Bruno Rezende era um dos grandes nomes da Superliga. Estamos rezando pelo voleibol brasileiro, estamos pedindo por mais visibilidade, mais investimento, mais valorização. Que venham para nosso esporte, assim como a fé dos desesperados! Eu, Mayara, lembro da felicidade que fiquei quando a notícia de que Bruno viria jogar no Rio vazou… e agora ele está indo para a Itália… Resta a mim desejar toda a sorte do mundo ao Bruno e muita força aos meninos e meninas do vôlei brasileiro… não só do Rio, mas de outras equipes que passam pela mesma situação.

Leia na íntegra a nota oficial de Bruno sobre sua saída do RJ Vôlei:

“Bom dia pessoal, antes que a mídia noticie, estou aqui!

A situação do RJ Vôlei, como é do conhecimento geral, não é das melhores. Recebi propostas anteriormente, mas acreditei que pudéssemos resolver o problema do clube e tinha a esperança que conseguiríamos outros parceiros para a manutenção de todo o elenco.

Mas eu e alguns companheiros de elenco recebemos apenas um mês desde o início da temporada, situação que me levou a tomar a decisão mais difícil da minha carreira: a de deixar o Brasil por algum tempo.

Estou aceitando a proposta de jogar o restante da temporada em Modena, cidade da Itália onde já atuei em 2011 e pela qual tenho um grande carinho.

Jamais gostaria de deixar amigos, companheiros e uma torcida que nos apóia no meio de uma competição como a Superliga. Mas a situação se torna inevitável e, na nossa curta carreira de atletas, não podemos abrir mão dos nossos direitos como profissionais por praticamente uma temporada inteira.

É claro que continuo acreditando no vôlei do Brasil e jogar aqui sempre será minha primeira opção. Mas vejo que devemos nos preocupar com a situação geral do esporte em nosso País.

O problema do RJ Vôlei não é um fato isolado. Colegas de profissão estão em outras equipes passando por problemas semelhantes e muitas vezes até piores do que o nosso no Rio de Janeiro.

É preciso valorizar o esporte coletivo que mais medalhas olímpicas e mundiais conquistou para o nosso Brasil.

Se isso acontece em uma modalidade com tanta visibilidade, e considerada por muitos a segunda mais importante do País, imaginem o que se passa com as que não têm o mesmo espaço na mídia.

Sempre é bom lembrar que estamos a dois anos de uma Olimpíada, que além do mais será realizada aqui mesmo no Brasil, e no Rio de Janeiro.

Desculpem o desabafo, mas não poderia me calar diante dessa situação.

Espero que vocês entendam minha decisão e saibam que nesses últimos meses não faltou empenho para resolver o problema.

Desejo todo o sucesso aos meus companheiros e integrantes da comissão técnica. E agradeço o carinho que recebi da maravilhosa torcida do RJ Vôlei durante todo o tempo em que tive a honra de vestir a camisa 1 do clube.

Muito obrigado e conto com vocês sempre.”

Captura de tela 2015-08-15 00.48.02

Publicado por Mayara Rufino

tt

pinte

insta

fb

 

Nasci Mayara, mas pode me chamar de Capitolinda. Sou formada em Jornalismo, faço pós em Literaturas Portuguesa e Africanas, e apesar de ser sedentária e das letras, sou apaixonada por vôlei.

Anúncios

Um comentário sobre ““Provavelmente não vai ser o único”, diz Riad sobre a saída de Bruno do RJ Vôlei

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s