Ano de ouro para o Unilever

Mariana Miquelino
@marianamiquelino


Unilever fatura título inédito no Campeonato Sul-Americano.
                                                                                   Créditos da foto: Luiz Doro/ Adoro Foto

Após ter conquistado o oitavo título na Superliga e o décimo campeonato estadual, o Unilever adicionou ao histórico de vitórias a inédita medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano na madrugada de hoje (06 de maio). O time terminou a competição invicto, tendo vencido as quatro partidas disputadas.

O primeiro adversário do time foi o Club Boston College, do Chile. O jogo terminou em três sets a favor da equipe carioca. Em seguida, as comandadas de Bernardinho enfrentaram o Universidad Metropolitana de Asunción (Paraguai) e o placar se repetiu: 3 a 0 para o Unilever. A disputa que garantiu a vaga do representante brasileiro na final foi travada contra o Vélez Sarsfield (Argentina); foi o jogo mais tenso da competição e terminou em 3 sets a 1, com vitória do Rio.

A final foi contra o Universidad Cesar Vallejo e teve seu desfecho, sem grandes surpresas, em 3 sets a 0, dando o título de campeão ao Unilever. Vencendo por parciais de 25/12, 25/23 e 25/16, a superioridade técnica do time carioca ficou evidenciada, apesar dos diversos momentos de desconcentração que acompanharam a equipe durante toda a competição.
               
As meninas também faturaram prêmios individuais. A Fabi levou para casa o troféu de melhor líbero, além do de melhor defesa; Fofão foi considerada a melhor levantadora; a jovem Gabi teve o melhor ataque; Bruna, a estreante em jogos internacionais, após uma ótima atuação, foi premiada com o melhor bloqueio e, por último, Natália foi reconhecida como melhor jogadora da competição.
               
Em entrevista, Bernardinho parabenizou toda a equipe: “Cumprimos a nossa meta que era ganhar o Sul-Americano. Conquistamos o título com categoria, com excelência no trabalho. Essa temporada, independente das conquistas, foi um período bacana de trabalho, de convívio em grupo. Agora é partir para outros desafios, fazer um bom Mundial”.
               
Fabi também comentou a boa temporada do time: “Viemos para o Peru com o objetivo de conquistar o título e garantir a vaga para a Unilever no Mundial. Sabíamos que o sul-americano teria um nível mais fraco do que estamos acostumadas, mas encaramos com muita seriedade. Fizemos bons jogos. A Bruna, que é jovem, se apresentou bem, fez um grande campeonato. Estamos felizes e orgulhosas por tudo que conquistamos ao longo desse ano”.
               
Infelizmente, no terceiro jogo, a central Valeskinha sofreu uma lesão no tendão do joelho esquerdo e será submetida a exames assim que retornar ao Brasil a fim de determinar a gravidade do dano.
               
O próximo desafio da equipe será o Campeonato Mundial de Clubes, que acontecerá em outubro, na Suíça. Será que a áurea temporada do time se estende até lá? 
Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s